segunda-feira, 23 de abril de 2012

Circuito com LEDs

Coletânea de circuitos Pisca Pisca com LEDs (Circuits 4 LEDs)











Pisca-Pisca de LED com transistor 2N3904

O circuito pisca pisca abaixo é um multivibrador astável para piscar alternadamente dois LEDs baseado nos transistores 2N3904. Os valores de R e C determinam a frequência e a carga do coletor de 470ohms define a corrente em torno de 20mA quando o circuito opera com 12V. A frequência está em torno de 1 ciclo por segundo usando um capacitor de 22uF e resistores de 47K. Valores menores de R ou C irão aumentar a frequência das piscadas. Os LEDs também podem ser colocados em série com os coletores dos resistores e outros transistores também pode ser utilizados. As conexões de alimentação e os LEDs devem ser invertidos quando transistores PNP foram utilizados. Veja o circuito da figura abaixo do esquema circuito com LEDs.

Volta ao índice



LED ligado em 220V

O circuito abaixo ilustra a ligação de um LED a partir da linha de energia AC de 220 Volts usando um capacitor para fazer a queda de tensão e um pequeno resistor para limitar a corrente de "inrush". Uma vez que o capacitor deve passar corrente em ambas as direções, um pequeno diodo é conectado em paralelo com o led para prover um percurso para o semiciclo negativo e também limitar a tensão reversa sobre o LED.

O circuito tem uma eficiência justa e drena em torno de $\frac{1}{2}$ Watt da linha de energia. O valor do resistor (1Kohm / $\frac{1}{2}$ W) foi escolhido para limitar o pior caso de corrente de avalanche em torno de 150mA que irá cair para menos de 30mA in alguns milisegundos até que o capacitor se carregue. Este parece ser um valor seguro e isso foi testado várias vezes sem que houvesse danos ao LED. O capacitor de 0.45uF tem a reatância de 5600 ohms em 60 ciclos, então a corrente do LED está em torno de 20mA de meia-onda ou 10mA na média. Um capacitor grande irá aumentar a corrente e um outro pequeno irá reduzi-la. O capacitor deve ser do tipo não-polarizado com uma tensão média de 200 volts ou mais.

O circuito da figura abaixo é um exemplo de obtensão de tensão de linha AC regulada. O diodo zener serve como um regulador e também provê um percurso para o semiciclo negativo quando este conduz na direção direta. Neste exemplo a saída de tensão é em torno de 5Volts e irá prover 30 mA com 300mV de ripple.

ATENÇÃO: Este é um material didático e deve ser utilizado por pessoas de competência para lidar com as tensões da linha elétrica de alta tensão. O autor não se responsabiliza pelo mau uso das informações contidas nesta matéria.



Volta ao índice



LEDs Pisca Pisca

O circuito de LEDs Pisca-Pisca desta matéria é muito simples de ser montado. Pode-se juntar vários LEDs piscando em conjunto. Este componente pode ser comprado em uma loja comum de componentes eletrônicos. Ao chegar à loja você deve pedir um LED pisca-pisca para o vendedor. Este circuito de LEDs pisca-pisca operam com tensões a partir de 1,6 V. Esses LEDs podem ser obtidos nas cores vermelha, amarela e verde e, para tensões maiores que 1,6 V, será preciso usar um resistor limitador que obedeça a tabela abaixo.


Os LEDs pisca-pisca funcionam oscilando a uma frequência de aproximadamente a 1 Hz. Estes dispositivos têm um consumo extremamente baixo, da ordem de 0,5 mA com 1,6 V. Desta forma, a durabilidade para as pilhas que os alimentam é muito grande. 

Alguns destes LEDs pisca-pisca nem precisam de resistores e você pode ligá-los apenas utilizando uma bateria botão de 3Volts. Veja a figura abaixo:


O diagrama elétrico da ligação do LED pisca-pisca é apresentado na figura abaixo. Para tensões maiores ajuste o resistor para que a corrente não queime o componente.

Antigamente, para fazer um LED piscar, era necessário utilizar circuitos especiais como multivibradores com transistores e circuitos integrados a exemplo do LM3909 (não muito barato!). Além do custo era preciso considerar o espaço ocupado pelo circuito, dado o número de componentes usados.


Volta ao índice



Circuito VU de LEDs

  O esquema apresentado na figura abaixo é de um circuito que aparece em diversos aparelhos de som. Este é chamado de Bargraps (Barra luminosa móvel) constituído por com diodos emissores de luz (LEDs). Esta barra de LEDs acende aumentando e diminuindo seu comprimento segundo o rítmo da música executada pelo seu aparelho de som.

Funcionamento:
 O sinal de áudio passa pelo ajuste (P1) que determina a excitação dos LEDs indicadores. Uma rede de diodos de D2 a D10 determina, pelo ponto de condução e acendimento de cada LED em sequência. O circuito é alimentado por fonte de 12V e sua entrada será ligada à saída do alto-falante de qualquer aparelho de som com pelo menos 5 W de potência. O trimpot determina o ponto em que o último LED acende enquanto que o P1 determina a sensibilidade do circuito em função do nível da música executada pelo aparelho de som.

Sobre os componentes:
 Os resistores são todos de 1/8 W e os diodos são todos comuns do tipo 1N4148 ou 1N4002 conforme a posição.
Caso tenha alguma dúvida não deixe de comentar. Obrigado!

Volta ao índice



Sequencia com LEDs

O esquema da figura abaixo apresenta um circuito para fazer o sequenciamento de 10 LEDs acionados por uma entrada de som. Estes circuitos são acionados numa de velocidade variável que depende do sinal de áudio aplicado na sua entrada. O circuito é alimentado na versão básica com 9 V mas também operará satisfatoriamente com alimentação de 12 V o que permite sua instalação no carro. O resistor 470 ohms serve para limitar a corrente dos LEDs e assim, evitar sobrecargas as saídas do integrados. Os capacitores C1 e C2 podem ser alterados em função da resposta desejada para o aparelho. A sensibilidade que depende da intensidade do sinal de áudio aplicado na entrada, é ajustada em P1. A entrada é ligada na saída do alto-falantes de qualquer amplificador de áudio. Os LEDs podem ser todos da mesma cor ou de cores diferentes e os capacitores tanto como cerâmicos como de poliéster. Alterações no sentido de fazer saídas acionar em Triacs, permitem o controle de lâmpadas de alta potencia no efeito para clubes e discotecas.




Volta ao índice



Circuito Sinalizador de LEDs

O esquema elétrico apresentado neste artigo é de um circuito básico de um sinalizador de LED baseado no circuito integrado LM555. Veja a figura abaixo:



Após o circuito ser alimentado, inicialmente o capacitor C2 está descarregado, isto faz com que o comparador de tensão interno "pino 2" do circuito integrado ative a saída em nível alto (pino 3 = 12V), acendendo o LED ligado ao GND e apagando aquele que está ligado ao +12V.

A corrente circulando via R1 + R2 gradativamente eleva a tensão no capacitor C2 até atingir o limiar de 2/3 da VCC (para 12V = 8V) então, o comparador interno "pino 6" inverte a saída a nível baixo (pino 3 = negativo), apagando assim o LED que vai para o terra e acendendo aquele que está ligado no +12V.
Neste mesmo momento o "pino 7" é levado ao negativo por um transistor interno ao integrado (open colector), via R2 o capacitor C2 é gradativamente descarregado. Quando o capacitor C2 atingir 1/3 da VCC (para 12V = 4V) a saída é levada a nível alto e o transistor do "pino 7" entra em corte (aberto) permitindo que o ciclo recomece.
O resistor R3 tem como função limitar a corrente que flui pelo LED em 10mA.
O capacitor C1 filtra o "nó" interno dos compadores contra possíveis ruídos espúrios de alimentação (caso o circuito seja alimentado por fonte).


Volta ao índice



Entenda o LED

LED Circuito é um circuito apresentado neste artigo para ilustrar como se deve ligar um LED. Para se ligar um LED é necessário ter em mãos um LED e um conjunto de pilhas de 1.5V ligadas em série e um resistor. O resistor é extremamente importante visto que este serve para limitar a corrente elétrica que passa pelo LED. Veja na figura abaixo vários exemplos de LEDs: Um LED vermelho, um LED Amarelo e um LED verde.


Temos que observar aqui outra característica importante que é a polaridade do LED. O terminal mais curto representa o Cátodo(-) e o terminal mais longo representa o Anodo(+). Outro fato que ajuda a identificar os terminais é que um dos lados do encapsulamento plástico tem um corte na aba (Veja a figura acima). Caso você tenha um LED com terminais de mesmo comprimento tome essa última dica como referência.

Um circuito elétrico simples que pode ser montado para fazer o LED circuito funcionar está apresentado na figura abaixo. Nesta figura temos a associação em série do LED, o resistor e a fonte de alimentação formada pelas duas pilhas de 1,5V ligadas em série. Note também que o positivo da pilha passa pelo resistor e se liga ao positivo (Anodo) do LED. O Cátodo é ligado ao negativo da pilha.

Para cada LED existe uma corrente máxima de operação. Veja na tabela abaixo a descrição da corrente máxima para cada dispositivo.

A partir das informações desta tabela podemos calcular o resistor necessário para fazer com que o circuito funcione sem queimar o LED. Para isso temos que lançar mão da Lei de Ohm:

U = R . I
Em que U é a voltagem, R é o resistor e I é a corrente. Rearranjando a equação temos:

R = U / I
Vamos tomar como exemplo o LED Vermelho. Substituindo os valores na equação, temos:

R = (3 - 1.8 ) / 0.02
R = 60Ohms

Uma vez que não existe valor comercial para uma resistência de 60Ohms então substituímos por um valor padrão que fica mais próximo. O valor mais próximo que devemos escolher é sempre para uma resistência de valor maior, pois o cálculo foi feito para uma corrente máxima e com a escolha de uma resistência menor a corrente máxima seria superada. Logo, R = 100Ohms.

LED Circuito em Paralelo

Caso o seu desejo for ligar vários LEDs ao mesmo tempo, tente montar o circuito sugerido pela figura abaixo. No circuito elétrico simples apresentado pela figura utilizamos três conjuntos de LEDs e Resistores. A vantagem de um circuito ligado em paralelo é que se caso algum dos LEDs falhar os outros continuarão funcionando.


O circuito em série pode ser montado da maneira apresentada pela figura abaixo. A desvantagem de se utilizar este esquema elétrico é que caso algum dos LEDs falhe, todos os outros ficarão desligados. Note que neste caso é necessário somente um resistor. Por outro lado, é necessário utilizar uma fonte de maior voltagem.


Espero que tenha ajudado a compreender como trabalhar com este dispositivo. Caso tenha alguma dúvida não deixe de comentar.



Volta ao índice



Circuito Pisca Pisca com LM555

O esquema elétrico do figura abaixo é de um circuito básico de um pisca/pisca com LED baseado no circuito integrado LM555.

Quando alimentado, o capacitor C2 está inicialmente descarregado, isto faz com que o comparador de tensão interno "pino 2" do circuito integrado ative a saída em nível alto (pino 3 = 12V), acendendo o LED.

A corrente que circula via R1 + R2 carrega gradativamente o capacitor C2 até o nível de tensão atingir o limiar de 2/3 da VCC (para 12V = 8V) . O comparador interno, "pino 6", inverte a saída a nível baixo (pino 3 = negativo) e o LED apaga.

Neste mesmo momento o "pino 7" é levado ao negativo por um transistor interno ao integrado (open colector), via R2 o capacitor C2 é gradativamente descarregado. Quando o capacitor C2 atingir 1/3 da VCC (para 12V = 4V) a saída é levada a nível alto e o transistor do "pino 7" entra em corte (aberto) permitindo que o ciclo recomece.

O resistor R3 tem como função limitar a corrente que passa pelo LED em torno 10mA. O capacitor C1 filtra o "nó" interno dos compadores contra possíveis ruídos espúrios de alimentação para tornar o circuito mais estável. Isso geralmente é necessário quando se usa uma fonte de alimentação que não possui uma boa filtragem.


Volta ao índice



Circuito pisca pisca para 20 LEDs

O esquema elétrico do circuito da figura abaixo apresenta diversas características que o tornam muito interessante para decoração. A recomendação mais interessante é decorar uma árvore de natal. Outra, é com relação ao custo, pois o circuito não usa transformador e nem componentes caros. O sistema é baseado em apenas dois transistores que formam um oscilador muito simples que pode ter a alternância entre as piscadas trocando-se alguns resistores e capacitores.

O consumo de energia é bastante baixo. Pela figura vemos que a freqüência do circuito é determinada basicamente pelos capacitores de 100 uF no multivibrador que podem ser alterados. Em cada serie são usados 20 LEDs que, pelas características de auto-limitação de corrente no circuito não precisam de resistores em serie. O maior cuidado com a montagem refere-se a escolha dos capacitores de 1,5 uF que devem ter uma tensão de isolamento de pelo menos 250 V e ser do tipo poliéster metalizado.



Volta ao índice



Circuito Pisca Pisca para 1.5V

O esquema elétrico do circuito da figura abaixo é de um simples sistema de pisca-pisca. Muitos dos circuitos comuns de pisca-pisca são encontrados nas versões com alimentação de 3V. Este pequeno circuito usa somente um chip CMOS barato, o 74AC14, e que consegue piscar um LED por aproximadamente um ano a partir de uma única bateria do tipo alcalina tamanho AA de 1.5V. O circuito utiliza uma técnica chamada de bombeamento de carga para conseguir prover a alimentação de tensão necessária para ligar o LED.



Volta ao índice



Circuito Pisca com chave de controle

O esquema elétrico do circuito da figura abaixo é de um pisca pisca para ser utilizado como temporizador de setas para carro. Este circuito é baseado no LM555 e tem uma montagem muito simples. A saída de controle do pisca pisca é o pino 3 que é ligado na chave S1. A chave S1 energiza um conjunto de 3 LEDS que são utilizados como setas de um veículo. O circuito pode ser alimentado por uma fonte de 12V.



Volta ao índice



Circuito Pisca Pisca de Alta potência

O esquema elétrico do circuito da figura abaixo aciona lâmpadas de até 200 W a partir da rede de 110 V e 400W em uma rede de 220V. A base do funcionamento deste circuito está relacionado com o uso de SCRs e lâmpadas Neon. Cada SCRs suporta 200 W de um conjunto de lâmpadas.

Para a rede de 110 V pode ser usado o TIC106B e para rede de 220 V o TIC106D. Estes componentes devem devem ser dotados de radiadores de calor. Os diodos são de 2 A para cargas até 200 W e com tensão inversa de pico de 200 V no caso da rede de 110 V (1N4004) e o dobro na rede de 220 V (1N4006) ou (1N4007).

O capacitor C1 em conjuntos com resistores R1, R2, R3 e R4 determinam o tempo de alternância entre cada piscada. As lâmpadas neon são comuns de dois terminais paralelos (NE-2H ou equivalente) e os resistores de 1/8 W. O C1 deve ser do poliéster com pelo menos 100 V de tensão de trabalho. Se no primeiro teste do sistema as lâmpadas ficarem acesas em lugar de piscar, ligue resistores de 47 Kº entre cada gate e o catodo do SRCs. R1 e R3 podem ser trocados por potenciômetros de mesmo valor para se obter um ajuste fino de freqüência.

Volta ao índice



Circuito para fita de LEDs

Atualmente, as fitas de LED tem tido uso frequente em diversas aplicações. As fitas mais comuns são baseadas numa topologia de 3 LED's em série e um resistor para cada conjunto. O valor do resistor geralmente é de 150 ohms. A alimentação de uma fita de LEDs tem como padrão 12 volts. Abaixo veja as figuras que mostram exemplos de fitas de LED's.






Para a maioria das fitas de LED's existe uma topologia de circuito padrão. Esta topologia é mostrada na figura abaixo. Esta topologia representa uma célula da fita e tem consumo de 16mA. Dependendo do tamanho da fita você vai precisar de uma fonte de alimentação com corrente adequada. Por exemplo, para uma fita de 100 células é necessário uma fonte de 1,6A.


Volta ao índice



Circuito Ligação LED Reverso Direto

Este circuito destinado para ser utilizado com LEDs possui uma propriedade muito útil. Com este circuito é possível ligar o LED com corrente direta e reversa. O circuito utiliza apenas 4 diodos os quais podem ser do tipo 1N4001. Além disso, mais LEDs podem ser ligados em paralelo tomando cuidado apenas ao prestar atenção na corrente máxima suportada pelos diodos. Observe na figura que ao utilizar o polo positivo no terminal da direita a corrente flui pelos diodos externos. Por outro lado, utilizando o polo positivo no terminal da esquerda a corrente flui pelos diodos internos.


Volta ao índice



51 comentários:

  1. Olá, pessoal! Sou um apaixonado pelo mundo da eletrônica e mais ainda por LEDs. Ultimamente estou trabalhando num painel para meu aquário e neste painel quero colocar alguns LEDs para que fiquem piscando de modo que possa controlar a intensidade das repetiçoes das piscadas. Mas, não sei como fazer, pois além das piscada, pretedo fazer com que os 4 LEDs pisquem mais de forma que o primeiro após apagra o segundo acenda logo em seguida e assim sucessivamente, dando a idéia que ele a luz esteja "caminhando" por entre os LEDs da esquerda para a direita. Gostaria de saber cmo faço para motar este pisca e quais o componentes ideais para este projeto. Felicidades!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,

      Existe um circuito bem simples de ser montado e dá um efeito de movimento interessante. Se quiser posso disponibilizar aqui o circuito para vc. O que acha?

      Obrigado pelo comentário.

      Excluir
    2. Olá, Gostaria de montar esse circuito ,no qual os leds vao acendendo apos o outro apagar, dando um efeito de movimento.Voce pode me disponibilizar tambem??
      OBrigada

      Excluir
    3. Olá Lígia. Lamento pela demora da resposta. Você pode conferir o circuito na seguinte postagem: http://aplnx.blogspot.com.br/2011/02/circuito-pisca-de-led.html#circuitopiscaled4. Caso tenha dúvidas continue comentando.

      Obrigado.

      Excluir
  2. boa tarde pessoal teno um negócio de laser e queria fazer só a parte da alimentação dos leds na empresa pra ficar mais barato o produto. será que voces podem disponibilizar como faço é para ligar apenas aquelas fitas que vem com leds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,

      Esta página foi atualizada com uma matéria de seu interesse. Na matéria explico como ligar uma fita de LEDs.

      Obrigado.

      Excluir
  3. Olá. É possível ter um circuito com um único LED piscante, mas que ele pisque aleatoriamente? Ou seja que varie a intensidade e duração das piscadas de tempos em tempos? Seria como se fosse simular aquelas piscadas de uma solda com eletrodo. Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um circuito analógico é suficientemente simples de ser implementado para uma piscada regular. Não são necessários muitos componentes.

      O circuito que pisque aleatoriamente com um modelo estatístico das piscadas de um soldador e seu equipamento de solda é um problema mais complicado. Além disso, o circuito analógico com certeza seria bem maior e mais complexo. Você pode optar pelo uso de um microcontrolador. Neste, se faz o programa de controle das piscadas. Dependendo do microcontrolador, somam se somente três componentes: microcontrolador + LED + Resistor. O que acha?

      Excluir
  4. Ola Pessoal.....estou com uma duvida e acredito que possam me ajudar. Possuo duas fitas de Led`s RGB sendo cada uma com 5 mts. Quero liga-las em série para deixar uma unica fita com 10mts, porem, possuo uma simples fonte 12v - output 2A, mas ao ligar uma fica na outra, as cores ficam diferentes pois acredito ser pouca potencia.
    Qual melhor forma de liga-las? Qual fonte devo usar com o devido output em Amperes e Watts?

    Abaixo estao as especificacoes das fitas:
    - Comprimento da fita: 5m
    - Número de LED: 300 peças de 5050SMD, 60pcs / m
    - Tensão de entrada: DC 12v
    - Potência: 72w (14.4W / m)
    - Brilho: 10-12LM
    - LED cor: RGB

    Fico no aguardo de ajuda. Muito obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amigo, na matéria acima "CIRCUITO PARA FITA DE LEDS" vc vai encontrar várias fotos de fitas de LEDs. Compare a sua fita com oque está na foto. Você tem que fazer as ligações como está mostrado no esquemático. Faça isso usando um multímetro para verificar as ligações.

      Excluir
  5. Olá amigo, tenho 8 mangueira de LED de 1,20m cada, liguei tudo em paralelo, as especificações são:

    4,5 watts por metro
    5 mA por metro
    12v.

    Liguei as 8 em um carregador de notebook de 18.5v 65w e 3.5A.

    Liguei todas as fitas de LED em um só fio e esse fio no carregador, o bixo esquento e pegou fogo na ponto do fio.

    Agora concertei o fio e liguei ele em apenas 4 fitas, mas continua esquentando muito.

    Como posso ligar essas fitas??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. deveria ser em série nao em paralelo #ficadica

      Excluir
    2. Obrigado pela Ajuda I.C.

      Além disso, os 18.5V que você está aplicando na fita está muito além da capacidade estipulada pela especificação. Seria melhor você alimentar com uma fonte de computador utilizando o padrão de 12V.

      Excluir
  6. olá comprei uma cascada de led 12 volts e a mesma tem uma caixinha onde eu mudo a sequencia da iluminação, são 8 tipo de iluminação. tenho que ligar aproximadamente umas 40 unidades dessa mas cada uma tem uma caixinha de controle.

    Temo como eu interligar todas retirando essa caixinha de controle?

    Tem como eu fazer o controle da iluminação pisque todas na mesma sequencia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amigo.

      Eu preciso saber mais um pouco sobre esta cascata que você está dizendo para lhe dar detalhes mais precisos. Se puder informar um link ao qual posso consultar seria ótimo.

      Mesmo assim podemos chegar em uma conclusão com as informações que você já forneceu. Posso dizer que a caixinha que controla a cascata de LEDs foi especificada para alimentar somente uma cascata. Acredito que se você tentar ligar uma outra cascata possivelmente pode dar problema, isto é, queimar a caixinha de controle por excesso de corrente.

      Para fazer isso você deve utilizar algo que chamamos de Driver. O Driver pode ser feito com relê, transistores ou FETs. O driver vai fornecer a corrente que a caixinha de controle não pode prover. Além disso, o driver permite que todas pisquem na mesma sequência.

      Espero ter resolvido sua dúvida. Se precisar continue postando suas mensagens.

      Excluir
  7. Saudações
    Aprecio muito a eletrônica apesar de entender muitíssimo pouco!
    Sobre o circuito acima: "Circuito Pisca Pisca com LM555"
    Possuo um teclado (musical) Yamaha e gostaria de montar um circuito idêntico com um LED piscando em intervalos de 3 a 4 segundos para identificar que o mesmo está ligado. A fonte que alimenta o teclado é 16 Volts / 2,4 Amp.
    Portanto, gostaria de saber mais detalhes sobre o circuito;
    Por ex., os terminais "+" e "-" aonde vão, pois no esquema mostra duas saídas "+" e quatro saídas "terra". Gostaria de mais detalhes (ligação) e se a fonte não irá comprometer o teclado,
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,

      Preciso saber se você quer que fique ligado por 4 segundos e desligado por 4 segundos. Correto? O problema é a fonte de 16V, pois a alimentação máxima para o LM555 é exatamente 16V. Por isso, seria bom reduzir a tensão utilizando um diodo.

      No esquemático, as quatro saídas de terra são ligados em comum. Normalmente separa-se assim para não poluir o desenho do esquemático.

      Obrigado!

      Excluir
  8. Olá, estou instalando fitas de led num deck de madeira, sendo que existem dois trechos de fitas (um com 1,60 m e outro com 2,00 m, os dois ligam diretamente numa fonte de 12V / 1,0A). Acontece que depois de tudo pronto, quando eu ligo as fitas (num único interruptor), elas começam a pisca de forma intermitente. Qual o problema? Seria da fonte ? Baixa potência?
    Ajudem!
    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IVAN,

      Acredito que a fonte que está usando talvez não esteja alimentando corretamente a fita de LEDs. Você deve calcular aproximadamente 25mA para cada LED. Por exemplo, se estiver utilizando 10 LEDs então a fonte deve ser de 240mA. Se estiver utilizando 100 LEDs a fonte deve ser de 2,4A.

      Pelo sintoma que você disse parece ser isso. A fonte pode estar alimentando o circuito no limite e, quando aquece em demasia, um circuito de proteção desliga tudo e, então, temos um pisca intermitente.

      Obrigado!

      Excluir
  9. Boas, queria saber como posso montar um circuito de 100 leds de alto brilho em que eles piscassem todos alternadamente.
    Alguem me consegue dar uma ajuda com o esque e materiais a usar??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, uma boa maneira de fazer isso é montar dois grupos de LEDs. Enquanto um grupo está aceso o outro estará apagado. Daí, na montagem, você intercala os LEDs de um grupo com outro.

      Seria esse o seu objetivo?

      Excluir
  10. Ola, sem nenhuma duvida você é um otimo profissional, parabéns pelo trabalho. Mas eu ainda so um pouco burrinho quanto as fitas de leds. E eu gostaria que você e esclarecesse uma duvida minha, não sei se todas ou algumas fitas leds vem com algumas marcações de corte, e também se todas vem com um dispositivo de recarregamento, mas a minha duvida é a seguinte, se depois que você corta a fita led no ponto demarcado tem como carregar ela, ou apos a descarga ela tem que ser descartada.
    Desde ja agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amigo.

      Aprecio muito que tenha gostado deste site. Não se preocupe se você não tem conhecimento, pois este é adquirido com o tempo.

      A maioria das fitas de LEDs que já vi tem marcações para fazer o corte com tesoura comum. Você apenas deve cortar bem sobre a marcação. Se o corte foi bem feito, então a fita poderá ser emendada novamente apenas soldando o corte.

      Eu apenas estou um pouco confuso sobre oque você quis dizer com carga e descarga. Se refere ao uso de baterias?

      Obrigado.

      Excluir
    2. Então sobre a descarga eu quis dizer, se depois dela estiver descarregada ela tem que ser descartada, ou mesmo assim da para carregar ela novamente, mesmo depois de ter sido cortada nas demarcações aqui citadas.
      OBG.

      Excluir
    3. Olá Luhciano,

      Conforme eu havia dito, você poderá recuperar a fita que sobrou soldando os fios exatamente no ponto do corte. Não precisa jogar fora.

      Obrigado.

      Excluir
  11. Colega, tenho uma outra duvida, agora relacionado a sua profissão, eu estou muito interessado em fazer um curso de eletrônica digital pelo SENAI da minha cidade, mas eu não encontro o curso especifico. Tem que fazer o curso de eletricista de manutenção, eletricista industrial, comandos eletricos, sei la nem sei se tem diferença entre um e outro, pois para mim, pelos nomes dos cursos, não vejo diferença Eu gostaria de fazer o técnico, mas não sei se tem diferença entre os cursos de aprendizagem industrial, e o de formação inicial e continuada.
    Sera que você poderia me ajudar?

    Obg.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciano,
      Acredito que esta informação dependa do SENAI de sua cidade. Poderia me informar qual a sua cidade? Com isso vejo quais cursos existem e falo um pouco sobre eles.

      Excluir
    2. Opa agradeço a ajuda ai.
      Moro em Sorocaba, só joga na Google SENAI Sorocaba.

      Brigado a ajuda.

      Excluir
  12. Boa tarde, tenho 2 dúvidas. Tenho em casa 4 circuitos independentes para acender as luzes da sanca (fluorescente). Estou querendo trocar por fitas Led´s. Gostaria de saber se é possível eu comprar somente uma fonte de 12V com mais amperes para ligar todas as fitas de led e depois colocar o dimmer nos pontos que acho interesse e mesmo assim manter a independência dos pontos para acender nos pontos que tenho interesse, isto é possível ou usando 1 fonte acabo perdendo os circuitos? Outra dúvida, posso ligar essa fonte de 12V na fiação do reator da lâmpada fluorescente (que irei substituir por Led) que tenho atualmente ou precisa ser em fiação de tomada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não entendo muito de projeto de iluminação com LEDs. Mas sei o básico e acho que você tem que prestar atenção nas correntes. Você deve fazer os cálculos para o consumo das fitas e cabos que estão ligando os componentes de iluminação. Fontes eletrônicas de 12V normalmente têm capacidade de corrente de 2-5A. Então, você deve pegar a quantidade total de LEDs que você tem e calcular a corrente. Um LED comum tem em média o consumo de 25mA. Se você for usar 100 LEDs na sanca, então a sua corrente é de 2500mA ou 2,5A. Se os requisitos de corrente foram atendidos você deve fazer ainda a verificação dos cabos. É provável que os cabos que você irá usar não terão especificação de corrente. Se esse for o caso você deve se assegurar que não vai haver aquecimento e risco de incêndio. Quando tiver o circuito montado faça um teste antes a instalação.

      Eu espero ter ajudado. Se tiver mais dúvidas continue postando.

      Excluir
  13. Caro Claudio, parabéns pelo site. Minha pergunta é: 1)Como poderia ligar uma fita de leds no circuito de pisca-pisca automotivo (retirando as lâmpadas). Li que os reles de pisca precisam da alta resistência das lâmpadas para funcionar. 2)Seu circuito nr.1 com dois leds poderia ser utilizado com apenas "um lado do circuito", alimentando uma fita de 10 leds, por exemplo?
    Grato pela resposta, Ivan Valpassos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ivan,
      Bom, até onde sei os relés automotivos são do tipo comum. Um relé é apenas um eletroimã que, quando excitado, fecha um contato metálico que completa um circuito. Assim, tanto faz você utilizar LED, Lâmpada ou até um motor.

      O primeiro circuito funciona sim. Você só deve calcular a corrente da fita de LED e trocar os transistores para uma corrente maior. Note que 1 LED = 25mA. Logo, uma fita com 10 LEDs vai consumir 250mA.

      Obrigado pela pergunta. Se precisar, continue postando.

      Excluir
  14. Caro Claudio, pretendo montar umas prateleiras em uma parede de 2 x 2,5m. Serão 10 prateleiras (25cm de altura uma da outra) de 2m de comprimento.
    Ou seja, em cada fileira da prateleira serão 20 leds (a cada 10cm), a ideia é apenas manter aceso os led. Como posso montar esse circuito, qual fonte seria melhor, em vista que serão muitos leds?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rafael,

      Vou tentar ajudar você a fazer os cálculos para o consumo das fitas. Primeiramente, fontes eletrônicas de 12V normalmente têm capacidade de corrente de 2-5A. Se calculei corretamente, há um total de 200 LEDs. Vou "chutar" que o consumo de 1 LED da fita seja de 25mA. Assim, você precisa de uma fonte de 5000mA ou 5A. Uma fonte eletrônica de 5A vai suprir não muito confortavelmente essa sua necessidade (No limite). Assim, faça as derivações em cada prateleira e ligue metade em uma fonte e metade em outra fonte.

      Obrigado pela pergunta. Se precisar continue postando.

      Excluir
  15. Sabe me explicar como faço para colocar ufita de led rgb e faze piscar de acordo com o mini system?
    Preciso de uma central rítmica, só isso?
    Desde já obrigado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giovani,

      Tem uma solução bastante simples que pode funcionar. Veja o Circuito LEDs rítmicos. Se precisar de mais dicas continue postando.

      Excluir
  16. Olá amigo, gostei muito do site, tem muitos projetos interessantes, parabéns!
    Porém, sendo apreciador de circuitos eletrônicos - por hobby - estou numa briga para fazer um transmissor e um circuito de VU de Leds.
    Vou estar sempre procurando atualizações no site e, trazer informações que venha a conseguir por intermédio deste (site). Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,

      Obrigado! Fico feliz que tenha gostado do site. Espero que seus projetos funcionem bem. Se precisar de ajuda pode contar comigo. Eu sempre tento responder as perguntas feitas nos comentários. Caso tenha alguma dúvida sobre o que utilizar ou como montar, pode perguntar aqui!

      Excluir
  17. Boa tarde! Parabéns pelo site! Muito bacana.
    Estou montando nichos com fita led RGB e gostaria de fazê-los com alimentação de bateria. Tenho feito uns, alimentados por baterias Unipower de 12V com 2,3 A. Apesar de ser uma ótima bateria, oa autonomia dela não passa de 2:30 a 3:00h, no máximo. O máximo que eu uso nos nichos são fitas de 1,50m. Existe alguma solução para melhorar este desempenho ou até mesmo usar baterias ou pilhas mais compactas? Agradeço antecipadamente pela ajuda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amigo,

      Obrigado pela sua visita. Fico feliz que tenha gostado do site. Antes de mais nada, preciso saber quanto tempo de autonomia você deseja para o sistema? Existem algumas soluções para aumentar a vida útil da bateria. Dependendo do que você precisa, posso recomendar alguma coisa.

      Excluir
    2. Olá! Obrigado pela atenção! São nichos para iluminação, mas funcionam mais como um ponto de luz temporário...tipo um abajur. Porém, quanto mais tempo permanecerem sem recarga, mais cômodo, pois não há a necessidade de estar toda hora recarregando a bateria. Acredito que se durarem umas 7 horas, seria muito bom. Porém, deixo com vc as reais possibilidades. Td que desenvolvi, foi com as próprias mãos e pesquisando um pouco aqui; um pouco ali. Não sou profissional desta área. Lógico que, quanto mais melhor, mas me contentarei com sua resposta, porque sei que estará vindo de alguém que realmente conhece do assunto. Muito obrigado pela ajuda!

      Excluir
  18. Ola!

    Parabenizo pelos projetos, Todos são bastante úteis.
    Mas o que eu fiquei mais interessado foi o de economia de energia utilizando o Diodo Zener.
    Gostaria de saber quais os valores do Diodo e do Resistor para ligar em 12 Volts.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Michel,
      Fico feliz que tenha gostado da matéria. Bom, você pode usar quase os mesmos componentes apesar do zener. Troque o zener de 6V2 por um com valor próximo de 9V. Bem simples!

      Obrigado pelo comentário.

      Excluir
  19. Oi Claudio. Parabéns pelo site. Existe alguma possibilidade de entrarmos em contato? Gostaria muito de conversar com vc e, se possível, contratar uma consultoria sobre melhoria da autonomia de baterias alimentando fitas led. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Antônio. Fico feliz que tenha gostado do site. A possibilidade de entrarmos em contato é por Skype. Além disso, temos que combinar um horário pois estou com 6 horas de diferença em relação ao horário do Brasil(Helsinki, Finland). Se estiver bom para você eu posso mandar meu contato. Obrigado pela sua visita!

      Excluir
    2. Sim, claro! Não vejo problema nisso! Aguardo seu retorno com o contato. Obrigado!

      Excluir
  20. Sim, claro! Não vejo problema nisso! Aguardo seu retorno com o contato. Obrigado!

    ResponderExcluir
  21. OLÁ. QUERIA UM CIRCUITO QUE ACENDESSE E FIZESSE EFEITOS EM UM LED DE 30 WATTS RGB IGUAL A ESSE: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-552705851-led-30w-rgb-30chips-103-k1315-_JM
    QUERIA QUE O LED MUDASSE DE CORES, FIZESSE STROBO, COMBINASSE UMA COR COM OUTRA, ETC. QUANTO VOCÊS ME COBRAM ? MEU E-MAIL É deejayanderson@hotmail.com

    ResponderExcluir
  22. Saudações! Postagens bem uteis!

    Referente as fitas de led eu estou precisando montar a iluminação em quatro carros de um ferromodelo, e não consigo pensar numa forma de fazê-lo.

    Eis os objetivos:

    1 – Não deixar que aconteça oscilação na iluminação de acordo com a movimentação do ferromodelo.

    2 – Garantir a luminosidade dos carros com a reversão o sentido de trafego.

    3 – permanência da iluminação com o fim da alimentação (alguns minutos)

    Seria viável tal façanha?

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Smili,

      A seguir tento responder suas dúvidas sucintamente:

      1 - Dependendo do tamanho do carro ferromodelo, você pode tentar colocar dentro dele o maior capacitor que puder. A solução mais simples para atenuar a oscilação é utilizando capacitores.
      Caso você não queira nenhuma oscilação, a solução seria utilizar um circuito mais complexo chamado de regulador. Este pode garantir que não haja nenhuma oscilação.

      2 - Adicionei uma matéria extra nesta mesma página. Por favor, verifique o índice novamente. Se não conseguir encontrar me avise.

      3 - Isso vai depender da capacidade do capacitor (Mesmo assim não chega à minutos, principalmente utilizando fitas de LED). Outra solução seria utilizar baterias (De celular, por exemplo).

      Espero que tenha respondido satisfatoriamente.
      Obrigado pela sua visita!

      Excluir
    2. Oi Claudio!

      Como posso te passar os detalhes do projeto?

      Abraço!

      Excluir

Comente aqui sobre esta matéria.